A Rota

 

rota_gastronomica

 

O fruto Cambuci, nativo da Mata Atlântica, é o símbolo da Rota do Cambuci, ao representar o resgate da cultura regional da Serra do Mar Paulista.

Mais do que um roteiro de festivais, a Rota  do Cambuci é uma estratégia de conservação da Mata Atlântica unida à produção familiar em bases agroecológicas. Promove o cultivo e a comercialização do fruto de forma sustentável e, com isso, é também uma importante alternativa de desenvolvimento para os municípios envolvidos.

A Rota do Cambuci desenvolve ações em três frentes de atuação: o Festival Gastronômico, que promove a cultura local e os produtos do Cambuci; o Arranjo Produtivo, que visa unir produção, processamento e comercialização do fruto, gerando renda aos produtores familiares; e o Roteiro Turístico, envolvendo a experiência de turismo associada à história e cultura do Cambuci, por meio de atrativos diferenciados em cada cidade.

Em tupi-guarni, cambuci significa “kãmu-si” ou “pote d’água”, o que remete a sua semelhança com um vaso de cerâmica. A história do Cambuci se confunde com a história das terras paulistas e seus povos, tendo conquistado o paladar de indígenas e tropeiros, que consumiam a cachaça curtida no fruto, encontrando-o nas vertentes ou encostas da grande floresta. A espécie ocorre ao longo de toda a Serra do Mar Paulista, e dá nome a lugares como o bairro do Cambuci, na capital, onde a árvore predominava.

 

rodape_rota